A poda de bonsai, é a maneira pela qual se forma e se mantém a planta no desenho pré estabelecido. Para isto, antes de decidir simplesmente podar, se deve compreender a poda e estudar a planta, analisando qual seu potencial futuro.

Analisar uma planta, é observar as raízes, tronco e galhos com muita atenção. Galhos  podem ser facilmente substituídos, já tronco e raízes são outra conversa. A distribuição das raízes (nebari) em relação ao tronco deve ser harmoniosa e agradável de se ver, isto dará o caráter necessário a planta no futuro.

Tendo em mente que, o que se vê não é o que se pretende, olhe a planta 10, 20 anos a frente, imagine raiz, tronco e galhos em perfeita harmonia. Entendendo isso podemos dizer que a poda de bonsai divide-se em  três partes para realizar a formação de um bonsai.

Poda Drástica ou de Tronco

A poda de bonsai drástica, é a que se realiza mais na obtenção de yamadori ou planta de viveiro, a qual geralmente possui uma altura muito grande, porém nebari e o início do tronco são bem interessantes para se utilizar.

Geralmente poda-se o tronco principal para obter um toco ou então logo acima de um galho útil, o qual será a continuação do futuro tronco. Ou ainda, retira-se todos os galhos que estão em posição inadequadas.

Executando esta poda na época correta a planta se encherá de brotos. A brotação que surgir irá definir o futuro da planta. Como na foto e ilustrações mais abaixo.

Exemplos de uma poda de bonsai drástica

poda-de-bonsai-drastica

Nesta ilustração temos como exemplo duas opções de corte. Planta mais baixa ou mais alta. Aproveitando a curvatura do tronco e o galho escolhido, será feito a poda. Desta forma não será necessário o uso de técnicas de arame para curvar o tronco. Assim encurtando o tempo de formação da planta e evitando possíveis cicatrizes de arame. Que sempre depreciam a estética e desvalorizam o trabalho final do bonsai.

Poda de tronco em uma Pitanga

poda-drástica-real

Nesta foto temos um exemplo real para mostrar. Uma pitanga, que possuía um tronco muito longo e não possuía uma estrutura boa para a formação de um bonsai de qualidade.

Realizado a poda drástica foi deixando apenas um toco do tronco. Foi feito essa poda na época correta e a partir do tronco surgiram os novos brotos e se tornaram galhos. Galhos ainda finos, mas que poderão ser utilizados na formação da planta. Usando a poda de estilização  daremos continuidade na formação do bonsai.

Poda de Estilização

A poda de estilização será empregada para formar em si o bonsai. Neste período de formação, deixa-se os brotos crescerem um pouco mais. Isto fará com que a planta cicatrize as podas anteriores, ai então se poda novamente, e/ou usa-se arame.

A poda de estilização  será aplicada quantas vezes for necessário até conseguir na planta o que foi projetado. Como exemplo vamos utilizar a ilustração abaixo referente a Pitanga mostrada no tópico anterior.

poda-de-bonsai-estilização

  1. Representando a planta no estágio atual. Foi realizado a primeira poda e no toco do tronco restante, brotaram 3 galhos principais.
  2. A segunda poda, já entrará na poda de estilização. A planta foi analisada, e baseado nesta análise se concluiu que o tronco será podado ainda mais baixo, próximo ao galho mostrado na ilustração 1. Para que este galho se torne a continuação do tronco, pois irá formar uma curva adequada para o futuro da planta, harmonizando no resultado final do projeto.

Com este trabalho de poda de estilização consegue- se formar as curvas  do bonsai, com mais simplicidade e harmonia. Assim elimina os galhos desnecessários para a formação de uma  boa planta e mantem os essenciais para dar a continuidade na formação do estilo desejado. Após ter estilizado a planta é necessário mantê-la na forma pré estabelecida, para isso, entra a poda de manutenção.

Poda de Manutenção

A poda de manutenção é o procedimento que será realizado sempre que for necessário, para que o bonsai mantenha-se no desenho que foi projetado.

Aqui é onde a árvore será compactada. Retirando os brotos que crescem em posições indesejadas. Encurtando os muito longos. Fazendo desfolha para incentivar a brotação. Isto fará com que a planta adquira uma massa de galhos mais compacta.

poda-de-manutenção

A desfolha é utilizada em plantas tropicais e caducifólias, respeitando a época e condição da planta. É preciso que o bonsai esteja super saudável, caso contrário o resultado será desastroso.

O tempo e a necessidade de poda de manutenção, é regida pela variedade da planta, época do ano, região geográfica que se mora, clima e principalmente adubação.

Para regiões de clima temperado, onde inverno verão são bem distintos o crescimento da planta é menor, e estas podas são menos recorrentes. Já em clima tropical a planta cresce o ano inteiro e a poda de manutenção será realizada muitas vezes a mais. 

Estas são as principais podas que ajudarão na formação e manutenção do seu bonsai. Normalmente você terá que ter paciência para cultivar suas plantas. Mas realizando estas podas adequadamente, você conseguirá reduzir o tempo de formação do seu bonsai. E principalmente deixá-lo com uma qualidade muito superior.

A poda de bonsai é a primeira condição para iniciar o trabalho de formação, conclusão e manutenção de uma planta. E claro, nunca se esqueça da pasta cicatrizante em suas podas. Mas é muito importante a busca pelo conhecimento para realizar os trabalhos de forma correta e com consciência. E claro,  aprender a ter paciência, se não a tem, não se preocupe, o próprio bonsai irá ensinar, pois ele tem o seu próprio tempo.

Categorias: Sem categoria